Homens Mulheres

Como controlar a oleosidade e o brilho excessivo da pele?

Quem tem a pele oleosa sabe como é desconfortável quando ela fica com aquele brilho excessivo. Mas, alguns cuidados podem ajudar a evitar esse desconforto.

Para quem não sabe, a pele oleosa tem essa característica porque produz uma grande quantidade de sebo. Isso acontece por motivos genéticos ou por desequilíbrios hormonais ocasionais. Mas, maus hábitos como excesso de sol, alimentação inadequada e cuidados inadequados, podem agravar a oleosidade da pele.

Para manter o equilíbrio e o brilho sob controle, é fundamental lavar a pele de duas a três vezes ao dia com água morna ou fria e sabonete suave, de preferência, indicado para pele oleosa. O sabonete em barra deve ser evitado, pois ele tem um pH alcalino que causa um desequilíbrio na pele. Fazer semanalmente uma esfoliação também ajuda a limpar melhor os poros e evitar a formação de cravos e espinhas. E, para proteger a pele do sol, evitando ressecamento e mais oleosidade, é fundamental usar diariamente um filtro solar específico para pele oleosa.

A alimentação, como a gente já disse aqui, também influencia muito na aparência da pele. Alimentos ricos em água ajudam a manter o equilíbrio da pele. A ingestão de gordura, açúcar e carboidrato deve ser mínima, pois esses ingredientes contribuem com o aumento da oleosidade e surgimento de acnes.

Hidratação e pele oleosa

Muitos se enganam achando que, quando a pele está com brilho, significa que está hidratada. Muitas vezes, inclusive, ela pode estar sem o nível ideal de água. Quando desidratada, o organismo de quem tem a pele oleosa entende que a pele precisa de hidratação e produz mais óleo, aumentando o desequilíbrio. Por isso, é fundamental usar diariamente um hidratante, na forma de gel ou gel-creme.

Alguns bons ativos para a hidratação da pele oleosa são: PCA-Na, D-Pantenol, Hidroviton, Ácido Hialurônico. Não deve conter óleo no hidratante, porque isso a pele já tem bastante. Ativos adstringentes também são bem vindos, eles ajudam a fechar os poros e controlar a oleosidade.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *